Vitória FC: 27 jogadores continuam a preparar físico para regressar à competição

18
visualizações

Chuva intensa marcou mais um dia de treino às ordens de Julio Velázquez.

 

- Pub -

Depois de no dia anterior ter orientado duas sessões de trabalho no Bonfim, Julio Velázquez, treinador do Vitória FC, voltou ontem de manhã a realizar uma única sessão no relvado do estádio, desta vez debaixo de chuva intensa. Tal como tem acontecida desde terça-feira, dia em que se iniciaram os treinos colectivos, o plantel foi novamente dividido em dois grupos de forma a serem cumpridas as normas de segurança.

Os 27 atletas – Makaridze, João Valido, Lucas Paes, Josué Duverger, João Meira, Jubal, Mano, Nuno Pinto, Bruno Pirri, Artur Jorge, Sílvio, André Sousa, José Semedo, Leandrinho, Nuno Valente, Montiel, Leandro Vilela, Mirko Antonucci, Carlinhos, Éber Bessa, Zequinha, Berto, Mathiola, Mansilla, Guedes, Alex Freitas e Hachadi – treinaram em dois turnos distintos (às 9 e às 11 horas).

Nesta fase as medidas de segurança continuam a ser seguidas à risca, pelo que o protocolo de retoma elaborado pelo clube para a realização dos treinos mantém-se sem alterações. Para hoje, o técnico espanhol, tal como tinha determinado na terça-feira, programou mais dois aprontos, pela manhã (09h00 e 11h00) e à tarde (17h00 e 18h15), devendo neste último a sessão incidir mais na preparação física.

Campeonato regressa a 4 de Junho

Depois de o fim-de-semana de 30/31 de Maio ter sido apontado como data provável para o reatar do campeonato, a Liga portuguesa de futebol, suspensa desde 12 de Março, deverá regressar em 4 de Junho, quando se disputar a 25.ª jornada da prova [n.d.r.: recorde-se que nessa ronda, os sadinos jogam na condição de visitantes com o Marítimo], anunciou a Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

“Por forma a garantir que são rigorosamente vistoriados os estádios e realizados os testes médicos a todos os profissionais envolvidos nos jogos e na respetiva organização, está apontada a data de 4 de junho de 2020 para o primeiro jogo da 25.ª jornada da Liga NOS”, anunciou o organismo em comunicado. Com 10 jornadas por realizar na competição, os sadinos somam 28 pontos e seguem na 12.ª posição, com 12 pontos de vantagem para a linha de água.

A Liga recordou que “ao longo dos últimos dias” as várias entidades têm levado a cabo “sucessivas reuniões de alinhamento” para que a retoma “possa acontecer em segurança e com todas as medidas de proteção que mitiguem os riscos do regresso à atividade”. Depois, segue-se “uma fase de vistorias para apuramento dos estádios que efetivamente cumprem os requisitos definidos naquele parecer técnico”.

No domingo, a Direção-Geral da Saúde (DGS) emitiu o parecer técnico sobre as condições do regresso da Liga à competição, no seguimento da decisão do Governo de 30 de Abril, quando o executivo enquadrou a competição como uma das actividades autorizadas ao desconfinamento. “Antecipa-se que este trabalho conjunto da DGS, da FPF e da Liga sirva de modelo para a retoma de outras atividades económicas, pretendendo-se que esta competição profissional forneça um exemplo das boas práticas que esta pandemia nos impõe”.

Derick Poloni vai reforçar defesa

Derick Poloni, defesa do Leixões, vai ser jogador do Vitória na próxima época. O lateral brasileiro, de 26 anos, está garantido pelos sadinos e chega para alargar as opções no flanco esquerdo, avançou o jornal Record que afirma já existir um entendimento entre ambas as partes.

O Setubalense – Diário da Região apurou que o negócio está praticamente fechado e que o acordo prevê um contrato com a duração de duas temporadas. Dereck Poloni está há sete épocas em Portugal e representou os leixonenses, na II Liga, nas últimas três, onde foi presença assídua na equipa (37 jogos em 2017/18, 35 em 2018/19 e 28 até à interrupção da época actual).

Antes, o lateral, que fez antes de chegar à Eyuropa parte da sua formação nos brasileiros do São Paulo, representou em Portugal a Académica (2013/14), Sourense (2014/15 e 2015/16) e Anadia (2015/16 e 2016/17), antes de rumar ao emblema de Matosinhos, onde conseguiu em vários jogos d ar maior profundidade ao flanco esquerdo,

Recorde-se que no actual plantel, o experiente Nuno Pinto, que está em final de contrato e cuja continuidade em Setúbal ainda está por definir, e o jovem André Sousa são os jogadores que têm actuado com maior regularidade numa posição em que outos atletas, entre eles Sílvio, já foram adaptados.

 

Comentários

- Pub -