«Só juntos e unidos poderemos vencer as adversidades e assegurar a permanência»

28
visualizações

Numa nota enviada a O Setubalense – Diário da Região, o presidente do Vitória FC, Paulo Gomes, falou sobre o actual momento da equipa como as tentativas de desestabilização, a mudança de treinador, os salários ou a realização, no futuro, de uma Assembleia geral, o dirigente, eleito em Janeiro de 2020, apelou à união dos adeptos e mostrou-se confiante na permanência. “Só juntos e unidos poderemos vencer as adversidades e assegurar a permanência na Primeira Liga”.

- Pub -

Leia o comunicado na íntegra:

Face às múltiplas calúnias, falsidades e acusações graves e sem fundamento que nos
últimos tempos têm surgido com o único propósito de desestabilizar e desunir a família vitoriana nesta fase crucial da época desportiva, o Presidente do Vitória Futebol Clube, Paulo Gomes, vem por este meio esclarecer vários temas e repor a verdade dos factos:

1 – Momento da equipa: Vivemos um período difícil e que certamente nenhum de nós esperava, é verdade, mas foi com essa consciência que decidimos agir, por considerarmos que uma não decisão nesta fase poderia ser fatal. Foi também com esse intuito que alterámos a estratégia em busca de uma inversão dos acontecimentos. Faltam quatro jornadas para o término do campeonato e nada está perdido. A nossa gloriosa história ensinou-nos a acreditar até ao fim, a lutar com todas as forças e a desarmar a palavra impossível. É com esse espírito de missão que encaramos as próximas finais, na certeza de que só juntos e unidos poderemos vencer as adversidades e assegurar a permanência na Primeira Liga.

2 – Salários: Apesar da situação delicada que todos vivemos, gerada pela pandemia da Covid19, que muitas dificuldades trouxe nas mais variadas áreas, às quais o futebol não é excepção, o Vitória FC sempre cumpriu com as suas obrigações e, com muito esforço, empenho e seriedade, pode congratular-se de apresentar os salários dos seus profissionais regularizados.

3 – Redes sociais com os famosos perfis falsos: Existe uma estratégia bem definida, que é fragilizar a actual direcção, eleita democraticamente há seis meses. Se pensarmos que destes seis meses, quatro deles foram em época Covid-19, isto é, com receita de zero euros, e houve dívidas avultadas para pagar, é fácil concluir que só existe um objectivo e que todos os vitorianos o conhecem. No entanto, superiores a isso são os vitorianos verdadeiros, aqueles que, apesar de não poderem estar no estádio a apoiar como sempre fizeram em qualquer campo, estão certamente na sua casa a torcer pelo bem comum: o Vitória FC. E é nesse sentido que tenho a certeza absoluta de que rapidamente iremos sair desta situação.

4 – Esclarecimentos aos sócios: As restrições impostas pela Direcção Geral da Saúde impedem a realização de Assembleias Gerais presenciais. No entanto, assim que possível, os sócios do Vitória FC terão oportunidade de colocar todas as questões.

O Presidente do Vitória Futebol Clube
Paulo Gomes

Comentários

- Pub -