Águas de Moura na próxima temporada com muita gente nova

16
visualizações

Dos 14 jogadores já assegurados, 11 são caras novas e cinco deles vêm do Atlético Alcacerense.

 

- Pub -

O Clube Desportivo e Recreativo Águas de Moura, este ano promovido à 1.ª Divisão Distrital, continua a preparar a constituição do plantel que vai competir no principal campeonato do futebol setubalense.

 

A equipa técnica liderada por Olívio Cordeiro, de 44 anos, que na época transacta orientou o Atlético Alcacerense, já está completa com a entrada de Miguel Santos, Paulo Oliveira, Geraldo Sousa e Hugo Gonçalves.

 

Em relação ao plantel já deu para ver que se vai apresentar com muitas novidades em relação à época anterior. De acordo com as apresentações já feitas, até ao momento, renovaram pelo clube os guarda-redes Rúben Colaço e Tiago Silva, assim como o defesa Gaspar.

 

No que respeita a reforços já foram anunciados 11, sendo cinco deles provenientes do Atlético Alcacerense onde trabalharam sob as ordens de Olívio Cordeiro; três dos Pelezinhos; um do Comércio Indústria, um do Grandolense e um do Cabrela.

 

Milton, defesa de 26 anos, chegou do Comércio Indústria, clube que representou nas últimas seis épocas, depois de ter passado pelo Luso Morense, Pinhalnovense e “Os Amarelos”.

 

Sakho, nascido no Mali é avançado e tem 24 anos. O seu primeiro clube em Portugal foi o FC Setúbal e na época passada jogou no Grandolense.

 

Bruno Gonçalves, médio brasileiro de 29 anos, amtes de chegar a Águas de Moura representou apenas o Cabrela (AF Évora) nas duas últimas temporadas.

 

Nuno Rodrigues, Rodrigo Jacob e Guilherme Sobrinho vieram todos dos Pelezinhos onde actuaram na época passada na equipa de juniores.

 

Pedro Lemos, Luís Carlos, Henrique Rei, Pedro Fráguas e Vasco Fernandes são os jogadores contratados à equipa de Alcácer do Sal. Os quatro primeiros são defesas e o último é médio.

 

Fráguas, de 22 anos, representou o Casal Figueiras, “Os Amarelos”, Olímpico do Montijo, Comércio Indústria e Cabrela; Henrique Rei é brasileiro, tem 22 anos e em Portugal jogou no Oeiras, Fabril e Moitense; Luís Carlos tem 20 anos e foi jogador nos Pelezinhos; Pedro Lemos, de 24 anos, fez a sua formação no Vitória FC e jogou também no Palmelense, Brejos de Azeitão e Olímpico do Montijo; Vasco Fernandes de 22 anos representou o Comércio Indústria, Pelezinhos e Operário de Lisboa.

 

De referir, entretanto, que no decorrer da semana passada o Águas de Moura assinou com o Vitória Futebol Clube um protocolo de cooperação que entre outras coisas contempla o intercâmbio de jovens atletas e a partilha de conhecimentos técnicos.

Comentários

- Pub -