7 Março 2021, Domingo
- PUB -
Início Desporto Luso FC celebra 100 anos de existência marcados por feitos e glórias

Luso FC celebra 100 anos de existência marcados por feitos e glórias

A história de um clube criado no intervalo de um filme por um grupo de amigos

 

- PUB -

O Luso Futebol Clube (LFC) foi fundado a 11 de abril de 1920. Esta instituição de utilidade pública foi fundada por Augusto Ferreira, Joaquim Paleta, Aníbal Praça, Paulo Maria Fernandes, Joaquim Figueiredo, João Pireza, António José Lopes, António José da Costa, Salvador Preto e Calisto Esteves.

De acordo com o que conta a história, o Luso FC surgiu num intervalo de uma sessão de cinema no Cineteatro do Barreiro, onde se reuniram na esplanada, Salvador Preto, Calisto Esteves, Aníbal Praça e Joaquim Paleta, tendo como tema de conversa a criação de um novo clube no Barreiro, sendo que tal conversa data a Agosto de 1919. Foi Aníbal Praça quem sugeriu o nome “Luso”, sendo esse nome aceite por todos os presentes. A data de fundação do clube foi determinada para 11 de Abril de 1920, com o fim de aumentar a rivalidade com o Futebol Clube Barreirense (FCB), clube fundado a 11 de abril de 1911.

O primeiro campo onde o Luso jogou futebol e hóquei em campo foi na S. do Rosário onde se situa actualmente a Escola Alfredo da Silva.

- PUB -

O primeiro jogo oficial do Luso efectuou-se em Abril de 1925, contra o Paio-Pires, no torneio de abertura da Liga de Futebol de Setúbal, e o Luso FC venceu por 2-1. O primeiro campeonato disputado data a junho e julho de 1925, sendo que não existem registos do vencedor dessa competição, sendo apenas conhecidos os participantes, sendo o Luso FC um deles.

A 9 de Maio de 1926 foi inaugurado o novo campo da Quinta Pequena. Um campo cheio, que para animar a festa contou com a presença da Banda dos Penicheiros e representações de todas as colectividades do concelho. O primeiro jogo foi entre os Infantis do Luso e do Vitória Barreirense, que terminou empatado a zeros. Seguiu-se um jogo de reservas entre o Luso e o Carcavelinhos, registando-se também um empate, desta feita a dois golos. Finalmente o prato-forte da tarde, o jogo entre as equipas de honra do Luso e do Carcavelinhos, uma das mais fortes do país. O resultado final foi uma vitória dos visitantes por 2-1.

As primeiras camisolas do clube eram vermelhas com riscas brancas verticais, idênticas ao Barreirense, mas tais similaridades levantaram vozes de revolta, obrigando a retirada desses equipamentos e doação dos mesmos ao Santoantoniense FC.

- PUB -

Apareceu então aquele que foi o primeiro equipamento oficial do Luso, camisola – listas verticais roxas e brancas, calção preto e meia preta, pois o clube tinha-se inscrito na Liga de Futebol de Setúbal em maio de 1925 para disputar o respectivo campeonato, sendo aqui obrigatório o uso do equipamento a rigor. Os jogos do Luso FC disputavam-se em Setúbal, no campo do União Futebol Comércio e Indústria (UFCI).

Apesar deste clube já não marcar presença em competições com a equipa de futebol sénior desde 2017, continua a apostar no ecletismo, possuindo várias modalidades. Desde a patinagem ao remo ao badminton e quadril scull, duas modalidades onde atletas do Luso FC conquistaram medalhas recentemente. É a prova de que o desporto-rei não é o mais importante para a existência de um clube, e de que é possível fazer a diferença na comunidade sem a existência de uma equipa sénior de futebol.

Sócio n.º1 da Associação de Futebol de Setúbal

Datava a 5 de maio de 1927 quando foi fundada a Associação de Futebol de Setúbal, tendo o Luso como fundador e sócio nº 1. Os restantes fundadores foram o Vitória F.C., União Futebol Comércio e Indústria, Palmelense, Bonfim F.C., Estrela S.C., G.D. Empregados do Comércio, G.D. Setubalense, Racing S.C., S.C. Setúbal, S.C. Setubalense, S. Domingos F.C. e União Futebol Avenida.

B.I
Nome: Luso Futebol Clube
Também conhecida por: L.F.C
Localidade: Barreiro
Data de fundação: 11 de abril de 1920 – 100 anos
Principais actividades: Badminton, remo, patinagem e ginástica
Actual presidente: Rui Pereira

- PUB -

Mais populares

Bombeiros em “guerra de tronos” ameaçam direcção com paralisação de serviços

Direcção já acertou tudo com antigo chefe dos bombeiros do Barreiro para assumir o cargo. Mas o corpo activo do Montijo quer Luís Silva   A...

Joaquim Maia deu a volta à tragédia para ajudar atletas a vencerem na pista

A vida pregou-lhe uma má partida, mas não se deixou vencer. Hoje é treinador e já ajudou a lançar atletas de alta competição     No campo...

CDU vai lançar André Martins à presidência da Câmara Municipal de Setúbal

A CDU vai avançar com André Martins como candidato à presidência da Câmara Municipal de Setúbal nas autárquicas deste ano. O nome do actual...
- PUB -