23 Novembro 2020, Segunda-feira
- PUB -
Início Desporto Oriental Dragon, Fabril e Pinhalnovense em acção no arranque da competição

Oriental Dragon, Fabril e Pinhalnovense em acção no arranque da competição

Olímpico do Montijo, Amora e Vitória Futebol Clube adiaram os seus jogos para 15 de Novembro.

 

- PUB -

Tem início este domingo, dia 20 de Setembro, o Campeonato de Portugal que conta com a participação de seis equipas da nossa região, distribuídas de forma equitativa por duas séries, mas nem todas vão jogar porque algumas adiaram os seus jogos.

Na série G, apenas vão jogar Desportivo Fabril e Oriental Dragon porque o Olímpico do Montijo solicitou ao Praiense o adiamento do jogo, pedido que foi aceite pelo clube açoriano que se mostrou sensível à argumentação dos montijenses que alegaram não ter condições para treinar pelo facto do Campo da Liberdade se encontrar encerrado para qualquer actividade desportiva. Por acordo entre os clubes o jogo vai realizar-se no dia 15 de Novembro.

O Desportivo Fabril, que esta época se apresenta com uma equipa totalmente renovada e também com uma nova equipa técnica, desloca-se a Massamá para defrontar o Real que na época passada se classificou em segundo lugar com os mesmos pontos do Olhanense, que foi o primeiro. Prevê-se que venha a ser um jogo complicado para a equipa fabrilista porque o adversário se apresenta com outros argumentos e certamente outras ambições. Mas, porque no futebol não há vencedores antecipados, e porque no último teste com o Amora (vitória por 2-0) as coisas correram bem, os jogadores só têm que acreditar.

- PUB -

No Juncal Desportos, na Moita, o Oriental Dragon vai viver um dia histórico porque faz a estreia absoluta numa competição de âmbito nacional. Treinada por Luís Manuel e com uma equipa constituída por gente bem conhecida e experiente como é o caso de Adilson, João Pinto, Gonçalo Silva, Marlon Costa, Sandro Costa e David Calderón (todos do Pinhalnovense), Diogo Branco e Nico (Olímpico), Martim Águas (Sintrense), para falar só em alguns, fica a sensação de que poderá ter uma palavra a dizer apesar do adversário ser o Belenenses SAD.

Na série H, o único clube da região a jogar é o Pinhalnovense que recebe no Campo Santos Jorge o Lusitano de Évora, que não aceitou o pedido da equipa de Pinhal Novo para adiar o jogo, ao contrário do que aconteceu com o Esperança de Lagos e o Moura que responderam afirmativamente às solicitações do Amora e Vitória Futebol Clube, respectivamente.

No Pinhal Novo, a resposta negativa dos eborenses funciona como motivação extra para os pupilos de Marco Bicho que tudo vão fazer para somarem os três pontos da vitória que a acontecer seria excelente para uma equipa que apresenta 12 caras novas de onde sobressai o experiente Celestino, que na época passada representou o Desportivo Fabril e também Diogo Tavares (ex-Oriental) que está de regresso ao clube.

- PUB -

 

José Pina
Jornalista
- PUB -

Mais populares

Polémica na estreia sadina a ganhar na 2.ª divisão distrital de futebol

“Diversos factores a contribuir para a rápida e fácil subida de divisão (do Vitória)”, diz o clube da Baixa da Banheira   Depois de a equipa...

Actual estação na 5 de Outubro em Setúbal vai receber serviços ou habitação

Com a entrada em funcionamento do novo terminal interface de Setúbal, a actual estação rodoviária na Avenida 5 de Outubro, no Bairro Salgado, centro...

Câmara de Setúbal muda as fechaduras na tomada de posse do estádio do Bonfim

A Câmara Municipal de Setúbal agendou para a tarde de terça-feira uma visita ao Estádio do Bonfim, casa do Vitória Futebol Clube, cujos direitos...
- PUB -