16 Janeiro 2021, Sábado
- PUB -
Início Local Alcácer do Sal Ricardo Champalimaud garante que festa erótica na Comporta cumpre normas da DGS

Ricardo Champalimaud garante que festa erótica na Comporta cumpre normas da DGS

Empresário confirma investimento superior a 500 mil euros para cumprir normas de saúde pública

 

- PUB -

Amanhã, a Comporta será palco de um dos exuberantes eventos que têm o cunho do empresário Ricardo Champalimaud, fundador da empresa Purília, que dedica a sua actividade à produção de festas de cariz erótico. É esperada a participação de mais de 40 pessoas e as entradas chegam aos 2 mil euros por casal. O local exacto está envolto em secretismo, mas o tema é público: será o filme “Eyes Wide Shut”, na tradução livre, “De olhos bem fechados”, realizado por Stanley Kubrick.

Ao jornal O SETUBALENSE, Ricardo Champalimaud confirma que o evento “cumpre todas as normas impostas pela Direcção-Geral da Saúde [DGS], tal como tem sido, desde sempre, o compromisso da Purília”. E adianta que, por essa razão, “foi feito um investimento superior a 500 mil euros”. No entanto, as normas impostas pela DGS, para prevenção à Covid-19 apenas permitem ajuntamentos com um máximo de 20 pessoas.
Desde o desconfinamento esta é a segunda festa organizada pela Purília com a mesma temática. A anterior ocorreu em Cascais, a 26 de Junho. Para mulheres solteiras as entradas tinham o valor de 995,00 euros, para homens solteiros 2 995,00 euros e para casais, 1 995,00 euros.

Participantes obrigados a teste à Covid-19

- PUB -

As festas da Purília são apenas divulgadas no site da empresa e os interessados em participar têm de responder a um questionário, sendo depois avaliados e selcconados.
Quanto às regras, para além do “saber estar” e “respeito” entre os participantes está a maioridade e, na actual conjuntura epidemiológica a realização de um teste à Covid-19.
A Purília assume que estes eventos são direccionados para a “classe alta”, com a participação de políticos, artistas, da televisão, cinema, músicos e outras figuras públicas, num ambiente que é descrito como “de elevado nível, glamour e luxúria” e, sobretudo, “confidencialidade”.

- PUB -

Mais populares

Covid-19 obriga Hospital de Setúbal a activar pela primeira vez nível vermelho de Crise ou Catástrofe

Administração assume em circular normativa que estrutura para atender infectados dá sinais de completa saturação   A administração do Hospital de São Bernardo, em Setúbal, activou...

Apreendidos mais de 330 quilos de pescado em Sesimbra. Valor ultrapassa 4600 euros

A Unidade de Controlo Costeiro da GNR, por intermédio do Subdestacamento de Setúbal, apreendeu ontem mais de 300 quilos de pescado, em Sesimbra, numa...

Vandalismo esta madrugada na Aranguês e Tebaida destrói carros e loja

Três viaturas ficaram completamente destruídas pelas chamas que danificaram também a Agência Armindo
- PUB -