8 Março 2021, Segunda-feira
- PUB -
Início Local Alcochete Alcochete assinala restauração do concelho com distinção de oito cidadãos e entidades

Alcochete assinala restauração do concelho com distinção de oito cidadãos e entidades

Sessão solene estava inicialmente agendada para amanhã, mas foi adiada para data a definir devido ao Estado de Emergência

- PUB -

No sentido de assinalar o 123.º aniversário da restauração do concelho, a Câmara Municipal de Alcochete vai este ano distinguir com medalhas municipais oito cidadãos e entidades alcochetanos em sessão solene, em data ainda a definir.

A cerimónia pública, inicialmente agendada para amanhã e adiada devido ao Estado de Emergência, vai desta forma homenagear com a Medalha da Restauração do Concelho – que reconhece aqueles “que se evidenciaram por serviços e actividades em prol do município e da população em várias áreas” – os profissionais do Pólo de Alcochete da Unidade de Saúde Pública Arnaldo Sampaio do ACES Arco Ribeirinho, o Corpo de Bombeiros da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Alcochete e o Serviço Municipal de Protecção Civil, explicou a autarquia em comunicado. A nível individual vão ser igualmente agraciados António José Soares e Manuel Ferreira Cardoso.

Já os funcionários Hélder Almeida e Fernanda Formigo vão ser honrados com a Medalha Municipal de Bons Serviços, que consagra anualmente “os trabalhadores do município, das juntas de freguesia e dos serviços públicos que se distinguiram no cumprimento das suas funções e as desempenharam com dedicação e competência”.

- PUB -

Foi a 15 de Janeiro de 1898 que Alcochete recuperou a sua autonomia administrativa, depois de ter permanecido três anos sob a dependência do Montijo. “Há um momento particular que a todos nos diz muito e que é comemorar a restauração do concelho, o momento mais sublime, a sessão mais solene que o município promove há 123 anos”, referiu Fernando Pinto, presidente da autarquia, de acordo com a mesma nota.
“A 15 de Janeiro de 1898 fomos capazes de escrever mais um capítulo da nossa narrativa enquanto povo. Após três anos de dependência administrativa e política, o concelho de Alcochete (re)conquistou a sua autonomia, um episódio memorável que traduziu a reivindicação das gentes de Alcochete, que nunca deixaram de lutar pela sua identidade e independência, enquanto território e comunidade”, acrescentou o autarca.

Estas comemorações pretendem, ainda, “perpetuar um passado” que “une e honra” Alcochete “enquanto povo e trazer à memória das gerações mais novas a resiliência” dos seus “antepassados na luta pela autonomia”.

- PUB -

Mais populares

Bombeiros em “guerra de tronos” ameaçam direcção com paralisação de serviços

Direcção já acertou tudo com antigo chefe dos bombeiros do Barreiro para assumir o cargo. Mas o corpo activo do Montijo quer Luís Silva   A...

Joaquim Maia deu a volta à tragédia para ajudar atletas a vencerem na pista

A vida pregou-lhe uma má partida, mas não se deixou vencer. Hoje é treinador e já ajudou a lançar atletas de alta competição     No campo...

ANAC recusa-se a fazer apreciação ao aeroporto do Montijo sem parecer favorável de todos os municípios

A Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) não vai fazer apreciação prévia de viabilidade para efeitos de construção do Aeroporto Complementar no Montijo, solicitada...
- PUB -