4 Março 2021, Quinta-feira
- PUB -
Início Local Barreiro Movimento de cidadãos quer Quinta do Braamcamp para os barreirenses

Movimento de cidadãos quer Quinta do Braamcamp para os barreirenses

Na defesa da requalificação da Quinta do Braamcamp apenas para usufruto público, um movimento de cidadãos organiza-se contra a venda do espaço a investidores privados

 

- PUB -

Após a apresentação do projecto da autarquia para a requalificação e venda dos terrenos da Quinta do Braamcamp, localizada na frente ribeirinha do Barreiro, surge o movimento de cidadãos “A Quinta do Braamcamp é de todos!”. Um movimento criado com o objectivo de contrapor a intenção da autarquia em vender os terrenos para investimento privado imobiliário e hoteleiro.

No seu manifesto o movimento de cidadãos apela à reflexão da população barreirense, no sentido de tomar uma posição sobre esta “controversa e importante questão para o futuro da cidade”.

Os primeiros subscritores do movimento, Armando Sousa Teixeira, Veladimiro Pratas Luciano e Carla Marina Santos, reuniram no dia 28 de Fevereiro na sede do União Futebol Barreirense, acompanhados de outros cidadãos, para destacar a sua preocupação com “o anúncio público feito pelo Executivo da Câmara Municipal [a 18 de Fevereiro], da venda dos terrenos da antiga Quinta Braamcamp”, revelam em comunicado.

- PUB -

“Por razões de ordem histórica, patrimonial, ambiental e ecológica”, os barreirenses que integram este movimento declaram a sua “discordância com tal alienação, afirmando que a propriedade municipal se deverá manter no domínio público”.

Um contexto em que o movimento de cidadãos considera determinante “lutar pela valorização de toda a área de Alburrica/Mexilhoeiro/Quinta Braamcamp, com um enorme potencial para o repouso e lazer dos barreirenses e para a visitação cultural sustentável”.

 

- PUB -

Nova vida da Quinta do Braamcamp gera debate controverso

 

No dia 18 de Fevereiro o executivo da Câmara Municipal do Barreiro convidou a população barreirense a estar presente no Auditório Municipal Augusto Cabrita, para uma Sessão de Esclarecimento Público sobre o futuro da Quinta do Braamcamp, sob o mote “Vamos devolver a Quinta do Braamcamp aos Barreirenses”.

Com uma visão focada no desenvolvimento e futuro da Braamcamp, Rui Braga, vereador responsável pelo Departamento de Departamento de Planeamento, Gestão Territorial e Equipamentos, na Câmara Municipal do Barreiro (CMB), apresentou à população barreirense um projecto que propõe a venda da quinta a investidores privados.

Em destaque estiveram condições impostas a futuros investidores, como “a utilização de apenas 5% da quinta para construção habitacional” garantindo que, “o restante espaço deve estar sempre ao serviço da população”.

Depois da aquisição da Quinta do Braamcamp em 2016, por 2 900 000 Euros, a autarquia considera que o investimento necessário para recuperar toda a área é elevado. Motivo pelo qual coloca em cima da mesa a possível venda dos terenos por cerca de 5 000 000 Euros.

Uma resolução que tem sido rebatida por muitos barreirenses, considerando que a Quinta do Braamcamp serviria melhor a população se fosse apenas requalificada para usufruto público.

- PUB -

Mais populares

CDU vai lançar André Martins à presidência da Câmara Municipal de Setúbal

A CDU vai avançar com André Martins como candidato à presidência da Câmara Municipal de Setúbal nas autárquicas deste ano. O nome do actual...

Incêndio destrói cozinha de habitação na Avenida Bento Gonçalves

Um incêndio deflagrou hoje numa habitação situada na Avenida Bento Gonçalves, em Setúbal, tendo provocado a destruição completa da respectiva cozinha, uma vez que...

Joaquim Maia deu a volta à tragédia para ajudar atletas a vencerem na pista

A vida pregou-lhe uma má partida, mas não se deixou vencer. Hoje é treinador e já ajudou a lançar atletas de alta competição     No campo...
- PUB -