Obras interrompem trânsito para criação do “Corredor Verde”

27
visualizações

As obras de requalificação realizadas no Barreiro, no âmbito da criação do “Corredor Verde”, entre a zona do Parque Catarina Eufémia e o Largo do Moinho Pequeno, situado junto ao rio Tejo, continuam a avançar com a criação de vários condicionamentos ao trânsito na Rua Instituto dos Ferroviários e Rua Heliodoro Salgado, estando o trânsito interrompido desde 25 de Maio na Rua General Norton de Matos.

- Pub -

Resultante da aprovação da candidatura daquele município ao Aviso do Fundo Ambiental “Adaptação às Alterações Climáticas – Recursos Hídricos”, a obra que está a decorrer conduziu nos últimos dias à interrupção da circulação automóvel naquela área central da cidade, com saída na Rua Miguel Pais. Recorde-se que, desde Março passado, a Avenida Henrique Galvão passou a contemplar um só sentido de trânsito, que proporcionou a criação de mais estacionamento numa “zona crítica” da cidade.

Prevista está ainda a anulação temporária dos lugares de estacionamento existentes na Rua do Instituto dos Ferroviários, que continua a ter a circulação de veículos garantida, bem como os lugares reservados a cargas e descargas. A empreitada, com um valor superior a 320 mil euros, vai estender-se até ao próximo mês de Setembro.

Segundo a autarquia barreirense, a zona vai passar a constituir-se como estrada sem saída e irá contemplar dois sentidos de circulação rodoviária, com a anulação do estacionamento longitudinal e subsequente inversão de marcha na bolsa de estacionamento.

Denominada de “Corredor Verde”, a intervenção tem como objectivo criar “mais arborização, sombreamento, estacionamento”, para além de corredores de ventilação, bem como a requalificação daquele eixo urbano do concelho.

Comentários

- Pub -