Luís Murilhas recandidata-se à presidência da concelhia com alterações no elenco

6
visualizações

Luís Murilhas formalizou a recandidatura à Comissão Política Concelhia do PSD do Barreiro. O social-democrata anunciou, na última sexta-feira, que já entregou as listas que formou para os órgãos da secção, tendo em vista mais um mandato de dois anos. As eleições realizam-se no próximo dia 3, sexta-feira, na sede da estrutura local, entre as 18h00 e as 23h00.

- Pub -

“A maior novidade encontra-se na lista candidata à Mesa [da Assembleia Geral], uma vez que o actual presidente, Hugo Cruz, não se recandidata e vê o lugar que ocupou nos últimos mandatos passar para as mãos do actual vice-presidente da Comissão Política e autarca laranja na União de Freguesias do Barreiro e Lavradio, Álvaro Ferreira”, destaca Luís Murilhas, em comunicado.

As alterações, porém, não se ficam pela liderança da Mesa da Assembleia Geral. Para a Comissão Política o social-democrata também há mudanças em relação ao último mandato. “Desde logo pela presença do ex-presidente da JSD Barreiro e actual presidente da JSD Distrital de Setúbal, Tiago Sousa Santos, no lugar de vice-presidente, e pela entrada da vereadora do PSD em substituição, Joana Medeira, para vogal.” Já Teresa Costa, David Conceição e Olga Paredes mantêm, respectivamente, os lugares de vice-presidente, secretário e tesoureira.

“Com o foco nas Eleições Autárquicas de 2021, quisemos construir uma equipa representativa da população barreirense, com experiência, mas também com a necessária renovação e que esteja disponível e pronta para liderar um projecto autárquico de verdadeira mudança na nossa cidade”, resume o cabeça-de-lista.
As eleições para a concelhia laranja vão decorrer de forma condicionada face à actual conjuntura. Vão poder votar todos os militantes do partido que tenham as quotas regularizadas, mas o acesso às urnas estará condicionado ao uso obrigatório de máscara, sendo que a permanência no interior da sede local será reservada a um máximo de 10 pessoas em simultâneo, cumprindo assim as recomendações das autoridades de saúde. M.R.S.

Comentários

- Pub -