30 Novembro 2020, Segunda-feira
- PUB -
Início Local Grândola Covid-19: Grândola com seis casos na comunidade associados ao surto na Misericórdia

Covid-19: Grândola com seis casos na comunidade associados ao surto na Misericórdia

O concelho de Grândola, no distrito de Setúbal, identificou seis casos de infeção pelo vírus que provoca a doença covid-19 na comunidade, associados ao surto detetado na Misericórdia local, revelou hoje o presidente do município.

- PUB -

“Tivemos mais seis casos na comunidade relacionados com esse surto na Misericórdia, nomeadamente, com os trabalhadores” da instituição, indicou o presidente da Câmara Municipal de Grândola, António Figueira Mendes, em declarações à agência Lusa.

Segundo o autarca, trata-se de “pessoas que têm ligações com familiares dos trabalhadores da cozinha da Misericórdia de Grândola” que, “apesar de estarem positivos, não apresentam sintomas”, estando todos a cumprir isolamento profilático.

Com estes casos na comunidade, o total de pessoas infetadas com o novo coronavírus SARS-CoV-2, associadas a este surto, subiu para 17, depois de terem sido identificados 11 casos, seis utentes e cinco funcionários do lar.

- PUB -

A situação “parece calma neste momento” uma vez que “não há registo de mais algum caso de contaminação” na Misericórdia de Grândola, adiantou o autarca, frisando, no entanto, que, “com a quantidade de utentes, pode descontrolar-se se não houver bastante cuidado”.

“Hoje estão a ser feitos mais de 100 testes aos utentes de todos os blocos que não tinham sido ainda testados para localizar uma ou outra, eventual, infeção. Estamos a acompanhar de perto a situação”, referiu.

António Figueira Mendes adiantou ainda que a Câmara Municipal e a Misericórdia de Grândola estão “a preparar medidas de prevenção” para fazer face a um possível agravamento da evolução epidemiológica no concelho do litoral alentejano.

- PUB -

“Estamos a equipar o nosso hospital de retaguarda com mais camas, roupas e vários dispositivos de ar condicionado nos pavilhões para responder mais rapidamente à situação. Sei também que a Misericórdia [de Grândola] está a adotar medidas para isolar noutro espaço pessoas que tenham necessidade”, explicou.

O Centro de Acolhimento, com capacidade para albergar 100 pessoas, está instalado nos Pavilhões do Parque de Feiras e Exposições de Grândola, que foi adaptado para dar uma resposta polivalente à pandemia de covid-19.

Os primeiros cinco casos de infeção na Misericórdia de Grândola foram detetados, no passado dia 17 de outubro, após testes de despiste da covid-19, realizados aos 105 funcionários da instituição, quatro deles trabalhadores da cozinha e um que desempenha outras funções.

Na quarta-feira, a Autoridade de Saúde Pública local efetuou “um rastreio aos 39 residentes do bloco 01”, ou seja, a utentes desta estrutura residencial de apoio a pessoas idosas (ERPI), que resultou na deteção de “mais seis casos”, confirmou à Lusa, o delegado de saúde de Grândola, Ismael Selemane.

O rastreio foi alargado, esta sexta-feira, “aos restantes utentes dos blocos 02 e 03 da Misericórdia de Grândola, num total de 108 pessoas”.

Os seis utentes com resultados positivos para o novo coronavírus SARS-CoV-2 “estão isolados num espaço próprio que foi criado pela Misericórdia, no âmbito do plano de contingência”.

“Os trabalhadores estão a cumprir o isolamento em casa e nenhum deles apresenta sintomas” da doença, acrescentou o responsável.

O concelho de Grândola regista 28 casos ativos de covid-19 e 61 recuperados, estando 65 pessoas em vigilância ativa, de acordo com os dados epidemiológicos atualizados na quinta-feira, pela autarquia.

Lusa

- PUB -

Mais populares

St. Peter’s: Investimento de 4,6 milhões abre a porta a mais de 200 alunos

Novo edifício projectado para Setembro de 2021 permitirá também ao colégio ter alunos em regime de internato Nas actuais instalações, na Volta da Pedra, Palmela,...

Investigador do Politécnico de Setúbal entre os mais citados em todo o mundo

O professor Vítor Pires é um dos 37 portugueses que integram a lista especial da Universidade de Stanford   Vítor Fernão Pires, docente da Escola Superior...

Denúncia de alegada fraude fiscal de Paulo Rodrigues seguiu para as Finanças

Em causa as comissões recebidas pelo agora presidente do Vitória quando era empresário.   O SETUBALENSE teve acesso à documentação remetida esta semana por um sócio...
- PUB -