Moita atribui apoios imediatos a IPSS e movimento associativo

26
visualizações
O autarca moitense, Rui Garcia, visitou o quartel dos Bombeiros Voluntários

Autarquia quer diminuir consequências para o desenvolvimento do concelho e garantir disponibilidade financeira às instituições

 

- Pub -

 

A Câmara da Moita vai atribuir de forma “imediata” todos os apoios financeiros previstos nos contratos-programa para suporte do plano de actividades de todas as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e movimento associativo do concelho, sabendo que “a adopção de medidas para a contenção da propagação da Covid-19 tem provocado fortes impactos na actividade e funcionamento” destas instituições a nível local, com “consequências para o desenvolvimento do município e do bem-estar das nossas populações”.


De acordo com a autarquia, esta antecipação “procura garantir às associações alguma disponibilidade financeira para fazer face aos compromissos imediatos”, deixando para um momento posterior “a avaliação global das consequências da crise provocada pela pandemia”, assim como uma ponderação sobre as medidas que forem necessárias implementar no município. A câmara moitense considera que “só em conjunto é possível ultrapassar as dificuldades” e reafirma a sua disponibilidade em “partilhar caminhos e construir soluções com o movimento associativo e as instituições sociais do concelho”.
Refira-se que desde o início de Abril, o presidente da Câmara da Moita, Rui Garcia, acompanhado por diversos vereadores, tem vindo a manter um contacto diário com as entidades e pessoas que se encontram a trabalhar no combate a esta pandemia, nomeadamente, o comandante e operacionais dos Bombeiros Voluntários da Moita e a equipa que está por trás do trabalho desenvolvido no âmbito da Linha de Apoio Informativo.

Neste âmbito, o autarca visitou ainda e de acordo com as orientações da Direcção-Geral de Saúde, o Lar S. José Operário, situado na Baixa da Banheira, e a Escola Básica nº1 do Vale da Amoreira, um dos estabelecimentos que “presta apoio nas refeições escolares a alunos do escalão A”.

Diagnóstico Operacionais vão fazer teste à Covid-19

A câmara anunciou ainda que foi feito um acordo com um laboratório local e a aquisição de testes de diagnóstico à Covid-19, que “serão disponibilizados a todos os profissionais que, no terreno, estão mais expostos à infecção pelo novo coronavírus”, tais como serviços operacionais da autarquia, bombeiros e forças de segurança. Medidas que podem ser consultadas em www.cm-moita.pt ou através da Linha de Apoio Informativo (800 102 200).

Rui Garcia e vereadores visitaram algumas instituições do concelho

Os autarcas da Moita acompanharam também os trabalhos de higienização de vários espaços públicos do concelho, com a câmara municipal a destacar “a importância da colaboração e empenho de todos para travar” este surto epidémico e que se reflecte em “acções solidárias e generosas”, de que foi exemplo o empréstimo de uma máquina de grandes dimensões à autarquia, usada na desinfecção dos arruamentos e cedida por João “Macarrão”, conhecido produtor de leite do concelho.

Comentários

- Pub -