3 Dezembro 2020, Quinta-feira
- PUB -
Início Local Palmela Conservação do Chafariz D. Maria I em curso com presidente a deixar...

Conservação do Chafariz D. Maria I em curso com presidente a deixar recado nas redes sociais

Trabalhos têm um prazo de execução de 70 dias. Álvaro Amaro assinalou o decurso da obra e lançou uma farpa aos críticos

 

- PUB -

A obra de conservação do Chafariz D. Maria I, em Palmela, já esta a decorrer, adjudicada que foi em Maio último pela Câmara Municipal por cerca de 42 mil euros, depois de um primeiro concurso para a execução da empreitada ter ficado deserto.

Os trabalhos, que têm um prazo de conclusão de 70 dias, arrancaram assim que “as medidas especiais de combate à pandemia o possibilitaram” e depois de “completadas as formalidades”, conforme já havia revelado a autarquia.

Álvaro Balseiro Amaro, presidente da Câmara Municipal, assinalou o curso dos trabalhos nas páginas que administra na rede social Facebook com duas fotografias, acompanhadas de uma mensagem curiosa, em jeito de recado. “Há os que falam e há os que fazem…”, escreveu o autarca sobre a obra de conservação do Chafariz D. Maria I.
A intervenção “consiste no tratamento e pintura do chafariz, no tratamento da alvenaria e das cantarias dos tanques e ainda em reparações da rede de águas”, descreveu o município, em nota de Imprensa.

- PUB -

Ainda de acordo com a autarquia palmelense, “embora se trate apenas de conservação, os trabalhos tiveram de ser objecto de um projecto de execução”, que necessitou de luz verde, ou seja aprovação, da Direcção-Geral do Património Cultural. O referido projecto, que viria a ser aprovado pela Direcção-Geral do Património Cultural, teve um custo de “cerca de 11 mil euros”, o que faz com que a empreitada ultrapasse, no plano global, um montante na ordem da meia centena de milhares de euros.

- PUB -

Mais populares

St. Peter’s: Investimento de 4,6 milhões abre a porta a mais de 200 alunos

Novo edifício projectado para Setembro de 2021 permitirá também ao colégio ter alunos em regime de internato Nas actuais instalações, na Volta da Pedra, Palmela,...

Ginjal promete dar mais élan a Cacilhas e fazer ‘inveja’ à margem norte

Uma nova cidade vai nascer na beira Tejo de Almada com espaços para promover o turismo, promoção cultural e zona habitacional A proposta relativa ao...

Denúncia de alegada fraude fiscal de Paulo Rodrigues seguiu para as Finanças

Em causa as comissões recebidas pelo agora presidente do Vitória quando era empresário.   O SETUBALENSE teve acesso à documentação remetida esta semana por um sócio...
- PUB -