Produtor de ostras Aquanostra aposta nas entregas ao domicílio para fintar Covid-19

80
visualizações
DR

Única empresa em Portugal a entregar ostras numa altura em que a exportação está praticamente parada

 

- Pub -

O produtor de bivalves Aquanostra, sediado em Setúbal, lançou um novo serviço de entrega de ostras ao domicílio, através das aplicações de encomendas Uber Eats e Glovo, para fazer face às circunstâncias impostas pela pandemia de Covid-19. Esta iniciativa surge numa altura em que a actividade da empresa se encontra “muito reduzida” devido à quase paralisação dos mercados europeus, para onde a Aquanostra exporta a produção.

Acedendo às referidas aplicações de encomenda é possível comprar packs de seis ou 12 ostras das espécies Giga e Plana, esta última reproduzida com fins comerciais em exclusivo, na Europa, pela Aquanostra. “Somos a única maternidade comercial na Europa a fazer reprodução da ostra Plana”, explica António Correia, formado em Biologia e mestre em Aquacultura. A ostra Plana que reproduzem na maternidade é “endémica da Europa, muito apreciada, mas não é a mais comum”.

Os apreciadores de ostras podem encomendar ainda um pack de 12 unidades (com seis ostras Giga e seis Plana), assim como packs com vinho branco ou espumante rosé da marca portuguesa Soalheiro. “Já estávamos a preparar isto e decidimos lançar já para aproveitar o momento. A adesão está a ser muito boa e a nossa estratégia é alargar a operação a todo o território nacional” em breve, adiantou António Correia. Para já, a distribuição é feita num raio de até cinco quilómetros a partir do centro de recolha da Aquanostra em Campolide, Lisboa.

Antes, as ostras são depuradas até 48h – um processo que permite eliminar 99% das impurezas e bactérias – e embaladas, em estrito cumprimento de todas as normas de higiene e segurança alimentar. A reprodução da ostra Plana no país fixou-se em Setúbal e no Algarve em 2017, no seguimento de um projecto de investigação desenvolvido por António Correia na área da reprodução de bivalves, no Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

A Aquanostra reproduz, produz, depura e exporta ostras para Espanha, Itália, França, Holanda, Inglaterra e Grécia, além de depurar e exportar também marisco (amêijoa branca, ameijola, navalha e berbigão). Tendo em conta a quase paralisação dos mercados por causa da Covid-19 e o facto de os produtores de ostra e marisco em Portugal serem um sector relativamente pequeno, “a paragem foi quase total”. Agora, com a entrega de ostras ao domicílio, a Aquanostra tem esperança de colocar o produto na mesa do consumidor final.

Comentários

- Pub -