- PUB -
Início Local Setúbal Estúdio Fontenova e Coro Setúbal Voz estreiam “A Casa de Emília”

Estúdio Fontenova e Coro Setúbal Voz estreiam “A Casa de Emília”

0
- PUB -

O Teatro Estúdio Fontenova estreou no Fórum Luísa Todi a peça “A Casa de Emília”, sobre as vivências das mulheres que trabalharam na indústria conserveira, recordando o tempo em que, a partir de Setúbal, peixe enlatado chegava a vários pontos do mundo.

A iniciativa, realizada com a participação do Coro Setúbal Voz, incluiu oito espectáculos apresentados de 6 a 15 de Novembro, com a história de uma antiga conserveira que acaba por influenciar as gerações seguintes que habitam o mesmo espaço: filha, genro e neta. Entre recordações Emília, na casa dos 70 anos, fala sobre a vida das conserveiras de 1920 e 1970.

Uma peça interpretada por Eunice Correia, Fábio Nóbrega Vaz, Graziela Dias e Sara Túbio Costa. Com texto de Luísa Monteiro; encenação, espaço cénico, desenho de luz e voz-off de José Maria Dias. Música de Jorge Salgueiro; sonoplastia de Emídio Buchinho; figurinos de Maria Luís; vídeo por Eduardo Dias e assistência de encenação, vídeo, fotografia, operação técnica e imagem de Leonardo Silva.

A coreografia ficou a cargo da reconhecida coreografa setubalense Iolanda Rodrigues e as investigações e entrevistas foram realizadas por Jaime Pinho, João Santos e Vanessa Amorim.

A operação técnica também ficou com Leonardo Silva; Flávia Rodrigues Piątkiewicz é responsável pelo design gráfico; e a produção executiva é de Patrícia Pereira Paixão.
Na captação vídeo do espectáculo estiveram Bere Cruz, Hugo Andrade e Inês Monteiro Pires. A fotografia é de Helena Tomás.

O figurino (Urso) é de Rosário Balbi e Luísa Nogueira; o brinquedo (Urso de lata) de Simão Feito à Mão; os arranjos de guarda roupa são de Gertrudes Félix.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui