1 Março 2021, Segunda-feira
- PUB -
Início Local Setúbal Instituto Politécnico e Segurança Social assinam protocolo de apoio ao sector social

Instituto Politécnico e Segurança Social assinam protocolo de apoio ao sector social

Projecto pretende também auxiliar as pessoas idosas, portadoras de deficiência e cidadãos sem-abrigo

 

- PUB -

Com vista à “criação de um banco de voluntários” no seio da comunidade académica, para apoiar as “instituições do sector social e a população vulnerável que beneficia do seu trabalho”, o Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) assinou na passada sexta-feira um protocolo de colaboração com o Centro Distrital da Segurança Social de Setúbal (CDSSS).

O protocolo, que pretende “colocar no terreno o projecto “Gestos para/com a Comunidade”, para “minimizar os impactos da Covid-19”, também nas “pessoas idosas, portadoras de deficiência e cidadãos sem-abrigo”, foi estabelecido em sessão online.

O encontro virtual contou com a presença do presidente do IPS, Pedro Dominguinhos, e da então ainda directora do CDSSS, Natividade Coelho, que considerou tratar-se de “um protocolo suficientemente aberto, não só àquilo que são as especializações no instituto, mas sobretudo a uma disponibilidade de participação cidadã”, utilizando-se os recursos do voluntariado para melhor servir “quem mais precisa”.

- PUB -

“Este protocolo é, por um lado, um corolário e uma formalização de um trabalho prévio, mas é também, sobretudo, um pontapé de saída para novas formas de participação e articulação, seja com estudantes, seja com docentes, para melhor intervir, de forma mais qualificada e sobretudo de forma integrada”, reforçou.

Já Pedro Dominguinhos reconheceu que a pandemia trouxe “um conjunto de novos desafios”, “identificados em articulação com o CDSSS”, e que as actividades desenvolvidas no âmbito da colaboração do IPS com a Associação de Socorros Mútuos e a Associação da Gâmbia, Pontes e Alto da Guerra serviram como “um balão de ensaio para este novo projecto”.

“Desenvolvemos um conjunto de iniciativas relacionadas com o apoio à comunidade e a um conjunto de instituições, desde a produção de viseiras, de álcool/gel, apoio aos idosos e apoio aos nossos estudantes, que naturalmente continua neste momento particularmente complexo”, acrescentou.

- PUB -

O projecto “Gestos para/com a Comunidade”, de auxílio às “instituições identificadas pela Segurança Social”, vai desenvolver-se “nomeadamente nas áreas de análise e gestão de dados, de apoio à organização e gestão, reforço da mobilidade e saúde mental, e formação e sensibilização”.

Além do voluntariado, “a cooperação estabelecida prevê como modalidades de participação a realização de estágios curriculares e a contratação de estudantes, ao abrigo do programa extraordinário de Apoio ao Reforço de Emergência de Equipamentos Sociais e de Saúde, lançado pelo IEFP”.

Com GR // VAM // Lusa

- PUB -

Mais populares

Várzea veio colmatar necessidade de antecipar o fecho da estação na 5 de Outubro

TST explica que antiga estação apresentava alguns problemas, inclusive ao nível da logística nos serviços   A empresa Transportes Sul do Tejo (TST) inaugurou há cerca...

Morreu o homem do mar Lídio Galinho

Lídio Galinho, homem ligado à pesca na Costa de Caparica, morreu hoje, durante a tarde, vítima de covid-19, no Hospital Garcia de Orta, em Almada

GNR apreende quase cinco toneladas de sardinha em Sesimbra

A Unidade de Controlo Costeiro da GNR, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Setúbal, apreendeu esta terça-feira 4 950 quilos de sardinha, no...
- PUB -