Setúbal mais bonita. Algumas árvores do Largo Santa Maria estão a ser enfeitadas

8
visualizações
Custodio Pinto

Fui surpreendido e gostei, pois é de louvar imenso os arranjos resultantes da iniciativa de enfeitar algumas árvores junto ao estabelecimento de que é proprietária a Dª Leonilde, a loja “Os Trapinhos da Lila”, atelier de costura e artesanato.

- Pub -

E é de dar valor à sua imaginação no embelezamento das referidas árvores e cada uma com o seu significado. A primeira árvore: trapinhos da lila, que é o símbolo comercial da sua loja. A segunda dedicou com nomes de algumas figuras de Setúbal: Luísa Todi, Bocage, Mourinho, Mário Regalado, Carlos César, Zeca Afonso, Finuras, Ervilha, Xico da Cana, Zé dos Gatos, Mariana Ricardo.

A terceira árvore vai ser dedicada aos clubes que existiram e os atuais de Setúbal. A Dª Leonilde disse-me que se tiver apoio e colaboração está disposta a embelezar as restantes árvores do Largo Stª Maria.

A Dª Leonilde faz um apelo e agradece a quem possua algumas recordações desses clubes que as queira ofertar, com o objectivo de se recordar esses tempos dos célebres clubes atuais e dos que existiram em Setúbal.

Ainda me lembro de alguns: Avenida, Palhavã, Bonfim, Os Trezes, São Domingos, Comércio Indústria, Sport da Vinha, Sadinos, Os Amarelos, Independente, Vitória Futebol Clube, Naval Setubalense, Clube Campismo de Setúbal, Pelézinhos.

Enfim, tudo isto é recordar. Há por isso que agradecer o bom trabalho da Dª Leonilda, pela magnífica obra de sua iniciativa que está a desenvolver.

Parabéns e continue com esta e outras ideias positivas, para bem da cidade do rio azul.

O Hospital João Palmeira

No Largo Santa Maria, junto da Sé de Setúbal, encontra-se o edifício do Hospital João Palmeira, ou das Palmeiras, onde felizmente foram feitas escavações arqueológicas. Na época medieval, no Hospital existiam estabelecimentos de assistência, albergarias, gafarias e mercearias. O Hospital Palmeira, como outros, tinha apoio de particulares.

O edifício é composto por três arcos ogivais e está devidamente recuperado, constituindo mais um património histórico de Setúbal, que esteve destruído e abandonado.
Parabéns para mais este melhoramento da cultura da nossa cidade.

Comentários

- Pub -