Escolhas governamentais

15
visualizações
Américo Lourenço, Vigilante no Porto de Sines

O projecto TV Fest em que se previa gastar um milhão de euros, é um insulto aos cidadãos portugueses, numa altura em que o país se debate com uma previsível crise económica, decorrente da pandemia que estamos a viver, e quando vemos nos órgãos de comunicação social que são insuficientes os meios disponibilizados, no combate à Covid 19 e cujas encomendas vêm a cota gotas.

- Pub -

Somo um país no qual as crises financeiras nos últimos anos, têm sido recorrentes, mercê de diversos factores entre os quais, as más escolhas governamentais, sendo o resultado das mesmas, resultam no aumento de impostos e nas estratégias e os malabarismos governamentais, que inviabilizam o progresso do país, mas que pretendem dar uma imagem contrária.

Como resultado das más escolhas governamentais e do esbanjar do dinheiro que resulta da elevada carga fiscal suportada pelos cidadãos, continuamos a ser o país que frequentemente vai procurar socorrer-se das finanças das instituições europeias, quando estas por sua vez não fiscalizam a aplicação das ajudas concedidas a Portugal, o que graças à habilidade dos governos sugadores de impostos mal utilizados, tornará o nosso Portugal conhecido como um país de pedintes.

Comentários

- Pub -