Câmara do Seixal reforça medidas de prevenção contra Covid-19

56
visualizações
Fotos de Daniel Maia

Autarquia condiciona o acesso aos serviços municipais, mas garante a prestação dos mesmos à população

 

- Pub -

Os serviços e equipamentos da Câmara Municipal do Seixal estão encerrados ao público, com excepção do edifício dos Serviços Centrais. Esta é uma das medidas decididas pelo executivo camarário no seguimento das últimas recomendações da Direcção-Geral da Saúde, para travar a infecção por Covid-19.

Com base no Plano de Contingência da autarquia, foi decidido que o atendimento público “seja realizado apenas no edifício dos Serviços Centrais e para situações urgentes ou inadiáveis que não sejam possíveis de resolver telefonicamente online ou via e-mail”.

Estas medidas preventivas obrigam ainda que o atendimento nestes serviços fique “condicionado a um número máximo de pessoas por período”. Ao mesmo tempo, a Câmara do Seixal garante à população “a prestação dos serviços públicos de carácter permanente”.

Para além das restrições agora anunciadas, a governância do município já tinha decidido várias medidas de prevenção e controlo de infecção do coronavírus, com o objectivo de “salvaguardar a saúde dos trabalhadores e da população do concelho”.

Assim, até 3 de Abril, estão suspensas ou adiadas as actividades culturais, desportivas e recreativas promovidas pelo município, assim como equipamentos, caso das piscinas de Amora e Corroios, bem como o Posto de Turismo, os núcleos do Ecomuseu e a Oficina de Artes Manuel Cargaleiro. O mesmo acontece com as visitas de lazer, turismo ou de âmbito cultural e desportivo também promovidas ou apoiadas pelo município.

Do mesmo modo, e ainda antes de ser decretado o encerramento das escolas, já a autarquia tinha suspendido as actividades complementares à acção educativa, como visitas de estudo e passeios promovidas pelo município, ou com recurso ao serviço de transportes da autarquia ou em equipamentos municipais.

“Vamos manter a vigilância e o acompanhamento diário e em permanência sobre esta situação de emergência, e iremos tomar as medidas necessárias para que não só o município possa assegurar a prestação de serviço público às populações como também possamos participar neste esforço nacional de prevenção e mitigação desta pandemia”, comenta o presidente da Câmara do Seixal, Joaquim Santos.

O autarca deixou ainda como mensagem à que “Continuamos juntos, na certeza de que iremos ultrapassar este problema, seguindo sempre as orientações da Direcção-Geral da Saúde”•

Comentários

- Pub -