Covid-19. Galp dá ventiladores a Setúbal e apoia litoral alentejano

34
visualizações

Empresa actua em prol da comunidade durante a pandemia

- Pub -

A Galp e a Fundação Galp tomaram várias medidas para apoiar a região de Setúbal no combate à pandemia do Covid-19.

Articulando várias iniciativas com diversas entidades locais e nacionais, uma delas foi a disponibilização de cinco ventiladores, de diferentes tipos, para o Centro Hospitalar de Setúbal, e três para o Hospital do Litoral Alentejano.

Ainda dentro dos principais agentes sociais, de saúde e protecção civil, a Galp apoia com 25 mil litros de combustível os Bombeiros de Sines, André e Santiago do Cacém.

Na mesma linha, vão ser entregues na região de Sines, incluindo à Protecção Civil e à GNR, 110 viseiras, 3600 máscaras e 210 litros de desinfectante. A nível nacional serão 31 mil unidades de materiais de protecção.

Computadores, rede alimentar e IPSS

Associadas ao Ministério da Educação, a Galp e a Fundação Galp vão ainda doar 300 computadores à comunidade escolar, para que os alunos continuem a actividade lectiva, com 30 unidades destinadas ao agrupamento de escolas de Sines.

Para a Rede de Emergência Alimentar, uma iniciativa do Banco Alimentar, já foram entregues seis toneladas em alimentos em Setúbal, prevendo-se que este apoio continue, explica a empresa que é parceira de mobilidade.

Por último, foi desenvolvido um pacote de medidas de apoio energético para mais de 500 IPSS. Neste caso, para as que são clientes da Galp, estará à disposição um mês de consumo de electricidade e gás natural, à escolha da instituição.

Estão incluídos lares de idosos, centros de dia, casas de repouso, jardins-de-infância, Santas Casas da Misericórdia, entre outros centros sociais. O pacote de apoio energético é válido para as IPSS dos concelhos de Sines, Santiago do Cacém e Santo André e clientes Galp em gás natural e electricidade.

Comentários

- Pub -