Badoca Safari Park recebe alimentos doados por Forcados Amadores de Coruche

77
visualizações

Oferta pretende ajudar parque temático a suportar prejuízos causados pela nova pandemia

 

- Pub -

O Grupo de Forcados Amadores de Coruche entregou 5 670 toneladas de alimentos ao Badoca Safari Park, situado no concelho de Santiago do Cacém, com o objectivo de ajudar a suportar a alimentação “dos 400 animais” em tempo de pandemia. A oferta, concretizada depois de o parque temático ter lançado um apelo junto da população, “vai ajudar, por várias semanas”, a suportar esta despesa.

“Felizmente nós portugueses e em especial os aficionados sabemos unir-nos e fazer a diferença quando é necessário. Este foi um desses casos.”, revela o Grupo de Forcados Amadores de Coruche em comunicado.

A ideia de oferecer os produtos, que aconteceu na passada terça-feira, aconteceu pois “o Grupo de Forcados, sensibilizado pelo apelo, decidiu arregaçar mangas e organizar uma angariação de alimentos”. O objectivo foi alcançado “em 10 dias” e “foi possível graças à solidariedade de dezenas de pessoas e ao altruísmo de algumas empresas”. Segundo descrevem os Forcados de Coruche, as empresas que mais contribuíram para a causa foram a Semente Activa, que doou 300 quilos de comida, a Vacaria Pé-Leve, que ofereceu 450 quilos, o Talho do Manel, que disponibilizou 500 quilos e a Agropec, que entregou 800 quilos.

Comentários

- Pub -