Sul em Acção angariou 10 mil euros para fabrico de material de proteção hospitalar

12
visualizações

A rede Sul em Acção, constituída por pessoas da região de Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve, conseguiu juntar, desde Abril, mais de 10 mil euros em donativos, que permitiram a aquisição de cerca de 5500 metros de TNT, 2500 metros de elástico e vários de cones de linhas.

- Pub -

Além da doação em dinheiro por particulares, foram ainda doados 14 rolos de TNT da Fundação Joana Vasconcelos, Hospital de Santa Maria, Hospital Beatriz Ângelo, UCF Oriente e Hospitais do Grupo Central de Lisboa.

O sucesso da iniciativa surgiu dos esforços de cidadãos, pequenas empresas e entidades, a agir de forma voluntária para dar resposta ao problema da escassez de equipamento de protecção individual nos hospitais, nascendo assim a rede Sul em Acção, para produção de material hospitalar.

Na primeira fase, no núcleo de Lisboa foram cortadas 650 tapa-botas, 150 batas, 2500 cógulas e 100 viseiras. Foram entregues na totalidade aos seguintes hospitais: Hospital Curry Cabral, Maternidade Alfredo da Costa, Hospital São José, Hospital D. Estefânia, Hospital Beatriz Ângelo e USF Oriente.

Neste momento está a decorrer uma segunda fase de actuação, com o corte e confeção de 1800 batas, 2700 cógulas, 1800 tapa-botas

Estima-se que este material seja distribuído pela rede Sul em Ação aos hospitais da região de Lisboa e Alentejo até ao final do mês de maio.

Comentários

- Pub -