Campanha d’O SETUBALENSE entra na última semana e ainda faltam dez mil euros

194
visualizações

Ajude o seu jornal a manter a publicação diária. Veja como aqui

 

- Pub -

A campanha de crowdfunding, recolha de fundos, que O SETUBALENSE tem em curso está a uma semana e um dia do final do prazo e ainda faltam angariar 10.640,62 cêntimos, para chegarmos ao fim com o sucesso de atingir o objectivo de 30 mil euros.
Este fim-de-semana contámos com os contributos de vários leitores, na maioria anónimos. Um doou 120 euros, outro anónimo ofereceu, 30 euros e uma leitora leitora, identificada, mas que prefere manter o anonimato, fez um donativo de 100 euros.
O leitor Rui Vicente contribuiu com 50 euros. Agradecemos reconhecidamente a todos estes apoiantes, assim como a todos os outros, particulares e empresas, que já apoiaram.

Para fazer o seu donativo, entre na plataforma PPL Crowdfunding Portugal – em ppl.pt/causa/osetubalense – ou vá ao site do jornal, onde encontra anúncios sobre a campanha com link directo para a plataforma. Pode também contactar-nos pelo telefone 265 094 353.

O seu contributo é duplamente importante. Não só ajuda a atingir o objectivo como é essencial para, no prazo que resta, que termina no dia 2 de Junho, garantir que os valores doados são integralmente entregues ao jornal. É que no crowdfunding os donativos não incondicionais são devolvidos aos apoiantes se o objectivo não for atingido.


Até à hora de fecho desta edição, na plataforma PPL, onde o objectivo mínimo é de 15 mil euros, faltavam ainda 4.830 euros. Cada donativo pode ir até ao valor máximo de cinco mil euros, pelo que apelamos às empresas, ou a quem tenha capacidade financeira para isso, que ajude a garantir que todos os apoios são entregues ao jornal.
Além do valor angariado na plataforma, a campanha recolheu também já 9.189,38 euros de contributos directos, sobretudo de empresas, na forma de aquisição de publicidade, mas também de alguns leitores com maiores dificuldades em participar através da Internet.

Entre as empresas apoiantes estão uma multinacional de Setúbal, associada da AISET, que prefere não ser identificada, a a CCEP – Coca-Cola European Partners Portugal, empresa que tem fábrica no concelho de Setúbal, em Azeitão, a EDP Distribuição, Ambilital, EAD, e uma empresa portuária. Registamos também os apoios de outras instituições, como CVRPS, Amagra ou Clube da Arrábida.

Entre os donativos de maior montante contam-se os dos fundadores da Fundação Buehler-Brockaus, o casal alemão Marion Buehler Brockhaus e Hans-Peter Buehler, que doaram dois mil euros, e de um empresário setubalense, que pediu anonimato, que ofereceu mil euros.

A campanha, lançada lançada no início do mês, visa assegurar a publicação diária d’O SETUBALENSE, durante os meses de Abril e Maio, com a angariação mensal de 15 mil euros, num total de 30 mil euros. Este montante corresponde a cerca de 30% das despesas deste período.

Agradecemos a todos os mais de uma centena de apoiantes que já participaram e continuaremos a informar regularmente sobre o desenvolvimento da iniciativa. No final publicaremos a lista completa de apoios e cumpriremos a respectivas recompensas.

Comentários

- Pub -