IPS entrega viseiras à autarquia de Setúbal

55
visualizações

A Câmara Municipal de Setúbal recebeu hoje, pela manhã, viseiras de proteção, numa oferta com o objectivo de reforçar as condições de segurança de trabalhadores e operadores da autarquia mais expostos à pandemia Covid-19.

- Pub -

Depois de declarado o Estado de Emergência, o Instituto Politécnico de Setúbal mobilizou-se, em conjunto com várias empresas, para arranjar soluções que conseguissem eliminar carências dos profissionais de saúde, elementos de forças de segurança e equipas de socorro.

Depois da doação de material de protecção individual a várias entidades do concelho, como a Cruz Vermelha Portuguesa local e o Centro de Saúde de São Sebastião, o IPS ofereceu ao município um conjunto de viseiras de proteção.

Maria das Dores Meira, autarca sadina, recebeu, nas arcadas dos Paços do Concelho, o material de protecção que será agora entregue a funcionários municipais, como equipas de limpeza e de atendimento ao público.

Para a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, a resposta do estabelecimento de ensino superior, que aproveitou as valências da impressão 3D, reafirma a “vitalidade, a dinâmica e a adaptação” que têm sido demonstradas a favor dos problemas da comunidade e da região.

As estruturas estão a ser produzidas graças a uma fresadora por comando numérico computorizado e à impressão 3D, com a montagem final a ser feita no Innovation Lab, na Escola Superior de Tecnologia do IPS. Entre pessoal docente e não docente são cerca de duas dezenas de voluntários.

No ato simbólico, o presidente do Instituto Politécnico de Setúbal, Pedro Dominguinhos, deu conta de que as viseiras foram “testadas por médicos e enfermeiros”.

O responsável estima que, até ao final de junho, a produção de equipamentos chegue às 10 mil unidades.

Comentários

- Pub -