António Ventura aponta comunidade escolar no centro de educação ambiental

17
visualizações
António Ventura

A responsável pelo saneamento da península de Setúbal desenvolve um conjunto de acções sobre civismo

 

- Pub -

 

O desconhecimento e a falta de civismo têm sido apontados entre os causadores da degradação do ambiente. Questionado por O SETUBALENSE sobre qual empenho da SIMARSUL ao nível da educação, António Ventura, presidente do conselho de administração da empresa, afirma que desde a sua génese a concessionária do Sistema Multimunicipal de Saneamento de Águas Residuais da Península de Setúbal “tem consagrado muita atenção à comunidade escolar no âmbito da sua estratégia de educação ambiental e cívica para a sustentabilidade”.

Uma política que se “enquadrada nos desafios da empresa, de aproximação à comunidade onde está inserida, para promover a utilização sustentável do serviço essencial de saneamento, a valorização do recurso água e as boas práticas ambientais”, esclareceu.

Sendo assim, “temos levado a cabo diversas acções, campanhas e distribuído materiais, conforme os desafios da empresa, a estrutura accionista e as estratégias corporativas e nacionais de sensibilização ambiental”, acrescenta.

Entre estas acções, António Ventura realce as “visitas dos alunos de escolas às Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) do distrito, as sessões de sensibilização levadas aos estabelecimentos de ensino, os jogos pedagógicos em celebrações de dias temáticos alusivos à água e ao ambiente com presença de público escolar, a campanha “Amar o Mar”, da qual fazem parte sessões pedagógicos nas praias e colónias de férias no Verão, a divulgação e disponibilização de materiais multimédia, vídeos e jogos pedagógicos, no menu dedicado à educa

ção ambiental no sítio da SIMARSUL e o envolvimento dos trabalhadores e familiares como embaixadores ambientais da empresa, que entregam materiais e suportes nas escolas dos seus educandos”.

Por José Augusto

Comentários

- Pub -