Funeral de Bruno Curato realiza-se esta tarde com honras militares

298
visualizações

O corpo vai estar às 14h00 na Capela da Quinta da Lomba, de onde sairá, pelas 16h30, para o crematório da Quinta do Conde

 

- Pub -

 

As cerimónias fúnebres de Bruno Curato, 24 anos, residente no Barreiro, que cumpria serviço no posto militar do Montijo da GNR, realizam-se hoje.

O corpo do jovem – que faleceu na passada terça-feira, vítima de um acidente ao Km 26 na A33 quando seguia de mota, no sentido Moita-Montijo – vai estar a partir das 14h00 na Capela de Quinta da Lomba (Barreiro), de onde sairá, pelas 16h30, para o crematório da Quinta do Conde (Sesimbra).

O SETUBALENSE sabe que serão prestadas honras militares, com a presença de camaradas quer na capela quer no cemitério da Quinta do Conde.

A perda causou profunda consternação naquela força militar. Sobretudo junto daqueles que conheciam ou prestavam serviço com o jovem GNR, que também havia servido o País nos paraquedistas.

Ao que O SETUBALENSE conseguiu apurar, Bruno Curato era visto pelos colegas como “um verdadeiro camarada, amigo do amigo, muito querido por todos com os que convivia”.

O acidente aconteceu pouco depois da meia-noite de terça-feira. No dia em que o jovem completou 24 anos. Bruno Curato deslocava-se de mota na A33, no sentido Moita-Montijo, quando embateu num automóvel que se encontrava parado na faixa de rodagem, numa altura em que o trânsito estava condicionado, devido à ocorrência de um outro acidente, que envolveu também um motociclista (faleceu no local) e uma viatura.
As autoridades que responderam à primeira ocorrência acabaram por prestar também socorro a Bruno Curato, que foi conduzido ainda com vida para o Hospital do Barreiro. Viria a ser transferido para o Hospital Garcia de Orta, em Almada, onde acabou por falecer na tarde de terça-feira.

Comentários

- Pub -