Almada. Voto de pesar pela morte da empresária Mónica Carvalho

111
visualizações
Mónica Carvalho, créditos Dayspa Mónica

A Câmara de Almada aprovou, por unanimidade, na última reunião pública, um voto de pesar pela morte da empresária Mónica Fernanda Pinho Bastos Carvalho.

- Pub -

Nascida em Almada, há 60 anos, era proprietária do salão de estética Dayspa Mónica, a funcionar na cidade de Almada há cerca de três décadas. Mónica Carvalho era uma “defensora incansável do comércio local de Almada”, sempre “desafiante e simpática”, referiu a presidente da Câmara Municipal, Inês de Medeiros.

A empresária, que morreu a 1 de Setembro, vítima de acidente de viação, desempenhou várias funções em mandatos na Comissão Directiva da Delegação de Almada da Associação do Comércio Indústria Serviços e Turismo do Distrito de Setúbal (ACISTDS), sendo à data vice-presidente desta delegação.

Também a ACISTDS, nomeadamente a direcção da Delegação de Almada, expressaram o “profundo pesar e irreparável sentimento de perda”.

“Para além do trabalho desenvolvido em torno do movimento associativo, com grandes contributos dados à Associação, foi uma destacada e respeitada empresária, com um sentido de entrega inigualável e um ser humano ímpar, por todos acarinhado”, refere a ACISTDS na sua página do Facebook.

O SETUBALENSE endereça as mais sentidas condolências à família e amigos de Mónica Carvalho.

Comentários

- Pub -