Noite de gala para os melhores do desporto de Setúbal

124
visualizações
Imagem de Carlos Dinís

Clubes, atletas e treinadores foram ontem premiados na quarta edição da Gala do Desporto. Armando Aldegalega levou para casa o prémio Carreira, um dos mais especiais da noite

Realizou-se no sábado a quarta edição da Gala do Desporto, evento que distinguiu os feitos de atletas, treinadores e clubes em 2019. Mais de uma dezena de prémios foram entregues aos melhores do ano, numa sessão com casa cheia no Fórum Luísa Todi.

- Pub -

“Estamos aqui hoje para celebrar a alegria do desporto e de poder competir pelo prazer de participar e pela vontade de ganhar. Celebramos o desporto na nossa cidade. A festa de hoje aqui nos reúne serve para destacar e valorizar os desportistas setubalenses, aqueles que dão tudo para chegar mais longe, mais depressa e com mais força”, disse a presidente Maria das Dores Meira no arranque da gala.

As seniores de ginástica de trampolins do Vitória levaram para casa a distinção para melhor equipa do ano, ao passo que Inês Borba (Vitória) e Pedro Casinha (Clube de Canoagem da Amora) foram eleitos os atletas esperança. No desporto adaptado, Beatriz Bastos e Álvaro Pereira, ambos da APPACDM, foram os grandes vencedores. Quanto aos atletas do ano, as distinções foram para Margarida Silva, do Vitória, e Afonso Costa, do Clube Naval Setubalense. Já o Setúbal Triathlon ‘bisou’ como evento do ano.

João Terlim, fundador e presidente da Academia de Rugby Clube de Setúbal, foi eleito o dirigente do ano, com o Clube de Ténis de Setúbal a vencer a categoria de clube/associação. Em estreia na Gala do Desporto, foi também homenageado o melhor árbitro de 2019, distinção atribuída a André Narciso, juiz da I Liga de futebol. Por fim Mário Narciso, que levou a Seleção Nacional de futebol de praia à conquista do Campeonato Mundial, venceu Bruno Lage (Benfica) e João de Deus (Flamengo) na corrida a treinador do ano.

Foram ainda atribuídos alguns prémios especiais, como o prémio de mérito académico a João Jesus, finalista com a melhor média da licenciatura em Desporto do IPS, e uma distinção ao Clube Naval Setubalense, que dentro de meses cumprirá o centenário. Hugo O’Neill, presidente dos navalistas, recebeu o prémio visivelmente emocionado e foi ovacionado pelas centenas de pessoas presentes no Fórum Luísa Todi.

O último prémio da noite foi entregue a Armando Aldegalega, de 82 anos, uma das figuras da história atletismo nacional, que foi distinguido com o prémio carreira, entregue por Rosa Mota. “É um prémio que representa milhões de quilómetros percorridos ao longo de 64 anos. Quero dizer aos jovens que sem esforço e dedicação não há glória”, disse o antigo atleta do Sporting, que representou Portugal nos Jogos Olímpicos de 1964 e 1972.

Todos os campeões ao palco

Antes da atribuição dos prémios, o município distinguiu todos aqueles que se conquistaram títulos nacionais ou internacionais. Em nome individual receberam a distinção Álvaro Pereira, André Viana, André Viegas, António Jorge, Carla Oliveira, Carlos Cruz, Carolina Santana, Daniela Marreiros, Dinis Costa, Diogo Maia, Filipe Roque, Gonçalo Carvalho, Gonçalo Moreira, Gustavo Soares, Inês Borba, Íris Chagas, Jéssica Conceição, Joana Rosa, João Bola, João Cruz, João Martinho, João Oliveira, Jorge Parrulas, José Vitorino, Leonor Palmela, Luís Rações, Maria do Mar Esteves, Maria do Rosário de Jesus, Martim Viana, Maria Mariani, Miguel Galhardas, Nádia Mendes, Pedro Casinha, Rafael Martins, Rafael Viegas, Rita Xufre, Rui Domingos, Rui Praxedes, Silvestre Gomes, Sofia Gil, Sofia Palheiro e Viviana Parrulas.

Seguiram-se os títulos coletivos das equipas de juniores e iniciadas de TeamGym e sénior mista de TeamGym do Clube Naval, as equipas de juvenis DMT e seniores DMT do Vitória, a equipa de BMX Race do Núcleo de Bicross e a equipa de ténis de mesa adaptado do Vitória. Por fim, quanto aos treinadores, foram distinguidos António Pedro, Bruno Lage, Domingos Dinis, Eric Coelho, Fernando Ferreira, Filipe Chagas, Henrique Diogo, Ivo Patronilho, João Martins. José Martins, Margarida Maia, Maria João Calretas, Mário Narciso, Olga Xufre, Rodrigo Couto, Rui Praxedes e Vítor Silva.

Comentários

- Pub -