Escolas de Setúbal adoptam métodos para aulas à distância

26
visualizações

Com o terceiro período a decorrer com aulas à distância, existe o receio que os alunos percam a relação com a escola

 

- Pub -

Com a suspensão das aulas presenciais devido à actual crise sanitária, as escolas do concelho de Setúbal, agrupadas e não agrupadas, elaboraram planos de ensino à distância “baseados nos princípios orientadores do Ministério da Educação”.
Trata-se de planos que “visam, como objectivo principal, garantir que o maior número de crianças, alunos e formandos continuem a aprendizagem durante o contexto social actual”, refere comunicado da autarquia de Setúbal.

Com esta nova realidade no arranque do terceiro período lectivo, aponta a Câmara que as escolas e famílias estão perante o desafio de adaptar métodos para “evitar que a ligação dos alunos à escola seja corrompida”.

No concelho de Setúbal, “as novas medidas de ensino não presencial apostam na promoção das aprendizagens possíveis, procurando manter o papel da escola de educar para o entendimento do mundo”, cita o comunicado.

Assim sendo, os planos de ensino elaborados pelas escolas do concelho “apostam no uso de meios tecnológicos à distância e em medidas de proximidade adaptadas às diferentes realidades e contextos familiares, assegurando a sua flexibilidade, a inclusão de alunos e famílias e a rentabilização dos recursos a que têm acesso”.

Nesta metodologia participam educadores, professores titulares, directores de turma, professores de educação especial, professores do apoio tutorial específico, professores bibliotecários e psicólogos que “asseguram um contacto regular com os seus alunos e as famílias através da disponibilização de planos de trabalho semanais e quinzenais e de materiais pedagógicos”.

São ‘ferramentas’ que têm por base manuais escolares, guiões e fichas de trabalho e recursos digitais e são complementados pela telescola Escola TV, no caso dos alunos do 1.º ao 9.º ano, em http://estudoemcasa.dge.mec.pt

Tal como a nível nacional, os alunos que em casa têm acesso a equipamento informático e internet realizam-se sessões síncronas e assíncronas através de diversas plataformas online.

Foram também constituídas equipas para apoiar e acompanhar a implementação destes planos, nomeadamente equipas de apoio tecnológico, equipa de monitorização e avaliação da implementação do plano.

Comentários

- Pub -