Testes a funcionários de todos os lares da península arrancaram hoje em Setúbal

63
visualizações

A previsão da AML é testar na primeira semana 250 profissionais em instituições da margem sul do Tejo

 

- Pub -

Todos os funcionários de lares e estruturas de apoio a idosos, na Península de Setúbal, sem casos confirmados de Covid-19, vão ser testados a partir de hoje, ao abrigo de um plano que ficou definido na última quinta-feira e que abrange os 18 municípios integrantes da Área Metropolitana de Lisboa (AML).

O estratégia foi ultimada numa reunião por videoconferência, que contou também com o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, e representantes locais, regionais e distritais de protecção civil, segurança social e saúde.

A iniciativa vem assim ao encontro das expectativas que já haviam sido avançadas no início da última semana pelo presidente da Câmara de Palmela, Álvaro Balseiro Amaro, em declarações a O SETUBALENSE.

O objectivo está traçado e é claro. “É atender a todos os lares e numa primeira fase fazer testes aos funcionários. Se nalgum dos casos houver alguma contaminação, imediatamente a saúde entra em campo e fará o teste a todos os utentes”, explicou à Lusa Carlos Humberto, primeiro secretário metropolitano, destacando que a metodologia é cobrir um município por dia. Todavia, “nalguns casos” ser “preciso mais do que um dia”.
O plano tem duração prevista de 10 dias úteis e estima abranger oito mil funcionários, mas deverá ser estendido.


A previsão da AML é testar na primeira semana 500 profissionais por dia, com prioridade para as instituições devidamente licenciadas. As restantes instituições também serão contempladas, mas numa segunda fase.

Para operacionalizar esta iniciativa, a AML dividiu os municípios nas áreas territoriais norte e sul (municípios das margens norte e sul do Tejo), devendo ser feitos por dia cerca de 250 testes em cada uma destas zonas.

“Antes de se fazerem os testes haverá uma visita técnica a estes lares para ver as condições de funcionamento e higienização, que é para depois dos testes feitos não haver problemas importantes”, avançou Carlos Humberto.

No site que administra, o município setubalense anunciou a realização de visitas na passada sexta-feira aos lares, para preparar o início da testagem a que hoje dará início.

Comentários

- Pub -