Catamarã encalhado no Barreiro já está a salvo

93
visualizações

Durante duas horas, 60 passageiros aguardaram por ajuda. Polícia Marítima e bombeiros estiveram presentes durante as operações.

 

- Pub -

O catamarã Gil Vicente da Transtejo-Soflusa encalhou esta tarde no Tejo, com 60 passageiros a bordo, quando fazia uma das carreiras diárias entre o Barreiro e Terreiro do Paço, cerca das 13h30.

A embarcação ficou presa numa zona do canal do Barreiro, durante duas horas, frente à Praia do Mexilhoeiro, que na baixa-mar tem pouca profundidade.

Segundo fonte no local referiu a O SETUBALENSE, pelas 15h40, a embarcação foi rebocada, numa operação que contou ainda com o apoio de dois barcos da Polícia Marítima e um dos bombeiros.

No momento o catamarã já está atracado num dos cais do Terminal Fluvial do Barreiro e a Polícia Marítima encontra-se a bordo em diligência.

Comentários

- Pub -