22 Janeiro 2021, Sexta-feira
- PUB -
Início Local Setúbal APSS garante que operação continua a respeitar Declaração de Impacte Ambiental

APSS garante que operação continua a respeitar Declaração de Impacte Ambiental

Obra de engenharia já está concluída com a construção da estrutura de contenção do aterro adjacente ao Terminal Roll-On Roll-Off

As dragagens para a Melhoria das Acessibilidades Marítimas ao Porto de Setúbal foram suspensas no início deste ano por problemas técnicos, não podendo recomeçar devido à pandemia. Na altura, o presidente da Agência Portuguesa do Ambiente, Nuno Lacasta, anunciou que estas iriam recomeçar em Novembro.

- PUB -

E dia 11 deste mês, a draga TSHD UILENSPIEGEL começou a operar no Sado e, “à semelhança das dragas anteriores, cumpre todos os requisitos da Declaração de Impacte Ambiental”, garante a Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra (APSS).

Segundo a APSS “a execução actual do Projecto de Melhoria das Acessibilidades Marítimas ao Porto de Setúbal é da ordem dos 90%, estando os trabalhos de dragagem com uma execução de 83%”. No que diz respeito à obra de engenharia associada ao mesmo, a operação “já se encontra concluída com a construção da estrutura de contenção do aterro adjacente ao Terminal Roll-On Roll-Off, com uma extensão total de 800 metros”.

Acrescenta a administração portuária que nesta nova janela temporal, “irão ser terminados os trabalhos de dragagem e deposição de sedimentos no aterro”, sendo que as dragagens vão decorrer “na zona de proximidade do Terminal Roll-On Roll-Off, na bacia de manobra, podendo pontualmente trabalhar no Canal da Barra ou Canal Norte para eliminar eventuais pontos de assoreamento”.

- PUB -

Quanto aos trabalhos, que estão previsto terminem a 15 de Dezembro, “comportam a dragagem dos restantes 760 mil metros cúbicos, que serão depositados no aterro adjacente ao Terminal Ro-Ro”. Refere ainda a APSS que este aterro “não representa neste momento o alargamento deste terminal, sendo que a sua utilização será analisada futuramente de acordo com o desenvolvimento estratégico do Porto de Setúbal.

- PUB -

Mais populares

Secundária Sebastião da Gama suspende aulas presenciais para alunos mais velhos até dia 26

Sete funcionários da escola em isolamento profiláctico obriga a alunos dos 11.º, 12.º e ensino nocturno a terem aulas em casa   Os alunos dos 11.º...

Alteração à sinalização na Volta da Pedra cria transtornos na circulação automóvel

Presidente da autarquia de Palmela e director da Infraestruturas de Portugal reuniram no local e apresentaram soluções A alteração à sinalização horizontal recentemente efectuada na...

Pandemia obriga Agrupamento de Escolas Lima de Freitas a suspender aulas presenciais em 20 turmas

No espaço de três dias duas das grandes escolas de Setúbal viram-se obrigadas a tirar turmas de aulas presenciais. O fecho das escolas ganha...
- PUB -