4 Março 2021, Quinta-feira
- PUB -
Início Local Palmela Câmara de Palmela aprova Orçamento Municipal que cresce para 54,8 milhões de...

Câmara de Palmela aprova Orçamento Municipal que cresce para 54,8 milhões de euros

O montante do documento previsional para 2021 aumenta 15,8% face a este ano. PSD/CDS-PP votou contra

O Orçamento Municipal de Palmela para 2021 vai crescer para os 54,8 milhões de euros – um aumento de 15,8%, face ao inicial deste ano –, caso o documento previsional aprovado na reunião de câmara do passado dia 9 venha a ser ratificado esta quinta-feira pela Assembleia Municipal.

- PUB -

Na Câmara, o documento passou com os votos favoráveis da maioria CDU e as abstenções de PS e MIM (Movimento Independente pela Mudança). A coligação PSD/CDS-PP votou contra.

De acordo com a autarquia, parte significativa do orçamento para 2021, 45 milhões de euros, destina-se a funções sociais, áreas de intervenção municipal mais directamente relacionadas com a satisfação das necessidades básicas da população.

“Este documento de gestão perspectiva o final do actual mandato e define linhas de futuro (Grandes Opções do Plano 2021/205), com base numa visão estratégica que não se compagina em ciclos de quatro anos”, lê-se numa nota de Imprensa do município, que adianta que a Câmara de Palmela já concluiu, ou tem em conclusão, um importante conjunto de acções no âmbito do Portugal 2020.

- PUB -

A ampliação e requalificação de várias escolas (Aires, Águas de Moura, António Matos Fortuna, Brejos do Assa, Cabanas), ecopista de Pinhal Novo (2.ª fase) e ciclovia da Quinta do Anjo, requalificação da Estrada dos Quatro Castelos (1.ª fase) – projecto HUB10 –, e do antigo Polidesportivo de Poceirão, são algumas das obras apontadas pela maioria CDU.
A Câmara de Palmela destaca ainda algumas infra-estruturas, que considera serem “obras de peso” e que deverão ter início em 2021, designadamente as “redes de drenagem entre o Portal Branco (Aires) e Setúbal, seguidas de expansão para Miraventos e Quinta Tomé Dias, do sistema de saneamento de Cajados e de mais uma fase de infra-estruturação na Lagoinha”.

“O início faseado da infra-estruturação nos Olhos de Água e Quinta do Canastra/Terrim e do sistema elevatório de águas residuais domésticas na Quinta dos Farias (Pinhal Novo)” são outras intervenções que, segundo a Câmara de Palmela, deverão arrancar também no próximo ano.

Previsto no Orçamento para 2021 e nas Grandes Opções do Plano para 2021/2025, a Câmara Municipal tem também a conclusão da empreitada de acessibilidades no Castelo e a abertura das portas da “A Estação – Museu Municipal”, em Pinhal Novo. Isto num ano de diversas actividades ligadas ao património e à figura histórica, natural de Palmela, de Hermenegildo Capelo. Com Lusa

- PUB -

Vereador do PSD critica “velhas promessas”

O social-democrata Paulo Ribeiro, eleito vereador pela coligação PSD/CDS-PP, justificou o voto contra. “Este é mais um orçamento que repete velhas promessas, que perpétua o imobilismo e que pouco acrescenta em relação a anteriores documentos produzidos por
esta maioria, que mais uma vez demonstra o seu cansaço e esgotamento”, considerou. Como exemplos de “velhas promessas”, o autarca do PSD enumerou, em declaração de voto, as obras referentes “à recuperação da Ribeira da Salgueirinha, à consolidação das encostas do Castelo e ao edifício dos Paços do Concelho”. “Já eram prometidas em 2016, 2017, 2018, 2019 e 2020”, sublinhou.

Além disso, classificou o orçamento como sendo “pouco amigo dos contribuintes”, desde logo por não abdicar “novamente da totalidade da participação variável no IRS” e por não apostar “numa estratégia de desagravamento fiscal susceptível de atrair pessoas” para o concelho e de “melhorar a capacidade de investimento e de consumo” dos munícipes.
“É também um orçamento pouco amigo das empresas e do investimento, pois não se vislumbra qualquer plano de recuperação económica para o concelho e de incentivo à economia local”, concluiu.

 

- PUB -

Mais populares

CDU vai lançar André Martins à presidência da Câmara Municipal de Setúbal

A CDU vai avançar com André Martins como candidato à presidência da Câmara Municipal de Setúbal nas autárquicas deste ano. O nome do actual...

Joaquim Maia deu a volta à tragédia para ajudar atletas a vencerem na pista

A vida pregou-lhe uma má partida, mas não se deixou vencer. Hoje é treinador e já ajudou a lançar atletas de alta competição     No campo...

Incêndio destrói cozinha de habitação na Avenida Bento Gonçalves

Um incêndio deflagrou hoje numa habitação situada na Avenida Bento Gonçalves, em Setúbal, tendo provocado a destruição completa da respectiva cozinha, uma vez que...
- PUB -